English - Español - русский
 
 
Primordial Gnosis



BAIXAR
Versão ePub eBook para eReaders.
BAIXAR ePub

 

BAIXAR
Versão PDF pronta para ler e imprimir.
BAIXAR PDF
BAIXAR PDF

 

Livro

Direitos de autor e ISBN
Diagrama
1. A Gnose Primordial
2. A Matéria é má
3. O tempo é mau
4. O deus criador
5. A criação do mundo
6. A criação do homem
7. O Deus Incognoscível
8. Corpo, alma e Espírito
9. Três tipos de Homens
10. Satanás, opressor
11. Lúcifer, libertador
12. A Serpente da Salvação
13. Caín, o Imortal
14. Os planos do deus criador
15. Morte e reencarnação
16. Manvantaras e pralayas
17. A Grande Conspiração
18. Luz e escuridão
19. As lojas branca e negra
20. Rebeldia e oposição
21. A Iniciação Gnóstica
22. A libertação verdadeira do Espírito

Clique em cada capítulo para acessar o conteúdo.

10. SATANÁS, OPRESSOR

O homem em seu estado normal está imerso na confusão, adormecido, não sabe quem é, nem de onde vem, nem que destino o espera. Não sabe o que deve fazer, está em um estado de confusão, como se estivesse entre nuvens, semi-adormecido.

Quando falamos do criador do mundo, dissemos que para os Gnósticos o criador, o demiurgo, o criador da matéria, do universo e do homem, é equiparado à figura de Satã, pois a matéria é satânica, toda a criação é satânica, o criador é um ser satânico. Este criador é opressor do homem. Desde que criou o homem, o obrigou a cumprir suas ordens, a obedecer seus preceitos, seus mandamentos. Este criador deseja ser obedecido pelo homem, além de ser admirado, temido, adorado, tudo através de sacrifícios e rituais. Quer impor ao homem suas leis opressivas. Quer que o homem o obedeça e que renuncie a seus desejos, que muitas vezes são os desejos de seu Espírito, desse Eu Espiritual que, mesmo que os seres humanos ignorem, o levam dentro de si. O criador, segundo a Gnose, tem um projeto para sua criação, por algum motivo criou o universo e colocou nele o homem. Tem um plano para levar adiante e para isso necessita do homem. Porém, necessita que o homem atue de acordo com os mandamentos de seu criador e não segundo os desejos de seu Espírito. O demiurgo não permite a manifestação do Espírito, encadeado na alma do homem. Deseja que o homem atue com a alma e não com o Espírito. Para isso é necessário oprimir o homem, assustá-lo, preocupá-lo. É um deus inteiramente opressor de suas criaturas.

> Continue lendo o próximo capítulo: Lúcifer, libertador

 
 


Gnose Primordial: A Religiao Proibida © 2014 by José María Herrou Aragón.